Quando a vida te vira do avesso

Oi, alguém ainda aqui?

Já se passou um ano desde quando fiz meu último post nesse blog. Isso me provoca um misto de sensações.

Ao entrar aqui, pude perceber o quanto as coisas mudam – e isso é bom. O Saindo de Casa teve uma papel sensacional em minha vida, descarreguei aqui todas as minhas angústias com os atrasos na obra do apartamento, além das dúvidas sobre decoração e o dia a dia. Tenho certeza que ajudei alguns leitores também, gente que até hoje deixa o seu comentário aqui.

Infelizmente – ou felizmente – até hoje não recebemos o nosso apartamento que tinha como data prevista para entrega julho de 2015.

Você deve estar se perguntando o porquê dessa maluca aqui estar feliz por ainda não ter recebido o apartamento que comprou na planta, não é mesmo? Pois bem, já ouviram aquela frase: ” e de repente a vida te vira do avesso, e você descobre que esse é o seu lado certo”? Essa frase nunca fez tanto sentido pra mim e vocês vão entender o porquê.

Atraso na obra

A João Fortes já está em atraso conosco já faz mais de um ano. Com isso, a gente acaba tendo prejuízo tanto no lado pessoal – porque congela os nossos planos – quanto no financeiro, porque enquanto a gente não inicia o financiamento, a dívida continua sendo atualizada pelo INCC. Ou seja, todo o dinheiro que a gente já pagou – e não foi pouco, está sendo desvalorizado a medida que a dívida continua sendo atualizada. O que eu quero dizer com isso? Vamos supor: se no ano passado tínhamos um valor de 400mil a financiar, hoje esse valor já está em 430mil.

Mesmo já desacreditada nas promessas da empresa, e sem ter interesse algum em manter o apartamento, continuo stalkeando o site do empreendimento pra saber em que pé se encontra a obra. Hoje, dia 25/08/2016, a aba do acompanhe a obra está assim.

ATRASO NA OBRA

Parece já estar na reta final. No entanto, hoje em dia, após mais de um ano de espera, já não é mais interessante continuar com esse elefante branco, infelizmente. Do fundo do meu coração, eu fico triste com toda essa situação. Foi muita expectativa que  joguei em cima desse sonho e ver ele não se realizando é, no mínimo, frustrante.

Agora estamos em uma briga judicial com a empresa, esperando ansiosamente o fim dessa história.

Do avesso

Como não podemos nos render às dificuldades da vida, tivemos que seguir com o jogo. No nosso interior, o sentimento era de impotência. Estávamos procurando um norte para nossa vida, já estava insustentável manter o nosso relacionamento do jeito que estava ( pra quem não sabe, a gente mora em cidades distintas e a consequência disso era um ficar enfurnado na casa do pai do outro – mais eu, diga-se de passagem) e essa situação estava sendo muito desgastante pra gente.

Chegamos a procurar outros apartamentos para comprar, só que tínhamos uma dívida referente ao empréstimo que pegamos para quitar as intermediarias do nosso apartamento e seria impossível manter essas duas dívidas.

Podemos dizer que estávamos numa fase bem infeliz e isso refletia um pouco na nossa vida profissional. Víamos nossas vidas passando sem que pudéssemos fazer alguma coisa. Estávamos insatisfeitos, mas não fazíamos nada para mudar. Ficávamos só torcendo para que os dias passassem mais rápidos, na esperança dessa fase acabar.

Tirando esses problemas na nossa vida pessoal, a profissional já não estava mais lá essas coisas. Passávamos as nossas semanas ansiosos para a sexta e com “depressão” no domingo por saber que uma nova segunda estaria chegando. Estávamos sentindo falta do arrepio, do frio na barriga. De algo que nos fizesse ter vontade de trabalhar, além de ter que conseguir dinheiro para pagar as contas.

Eis que a partir desse pensamento, a nossa vida deu uma reviravolta e agora estamos com os dias contados para abandonar os nossos empregos convencionais e cair na estrada. 

Não temos a intenção de trabalhar menos, pelo contrário, talvez até trabalharemos mais. No entanto, estaremos fazendo algo que realmente nos dê prazer. Seremos nômades digitais pelas estradas do mundo.

Agora, temos um novo blog: Para Onde Fomos. Lá dividiremos todas as nossas alegrias e angústias desse novo desafio. Além de dar dicas de onde comer, onde ficar e o que fazer pelos lugares que passarmos.

Posso pedir um favor? Venha viajar com a gente, através dos nossos textos e mídias sociais!

Instagram: www.instagram/paraondefomos
Facebook: www.facebook.com/paraondefomos
Blog: www.paraondefomos.com.br

Olha que lindo o layout do nosso mais novo blog 😀

Blog Para Onde Fomos

Não sei direito o que nos espera e é justamente isso que nos motiva.
Um super beijo a todos e quem sabe um dia eu volto com os meus planos de ter uma casa e precisar decorá-la.

 

Anúncios

Deixe um comentário :D

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s